Pular para o conteúdo
Início » Farinha para Diabéticos [ 7 Melhores ]

Farinha para Diabéticos [ 7 Melhores ]

  • por
qual a melhor farinha para diabéticos

Saber qual a melhor farinha para diabéticos pode ser complicado, principalmente se você foi diagnosticado recentemente com diabetes tipo 2. Isso porque a grande maioria dos diabéticos não tem nenhuma referência dos alimentos que são mais indicados ou que devem ser evitados.

Além disso, saber qual a melhor farinha ajuda na preparação de pratos e receitas para diabéticos.

Tempo estimado de leitura: 7 minutos

Qual a melhor farinha para diabéticos?

Controlar o diabetes e manter a glicose na faixa normal requer atenção, disciplina bem como conhecer os alimentos que você come. Alimentos ricos em carboidratos simples, como a farinha de trigo branca, se transformam em glicose rapidamente. Isso causa picos de glicemia, que é quando a glicose sobe rápido demais. Por isso, antes de preparar sua receita de bolo ou de pão caseiro, fique atento(a) ao tipo de farinha que está usando e veja qual pode ser substituída.

1- Farinha de coco

Em comparação com a farinha de trigo normal, tem menos carboidratos e mais fibras. Alimentos ricos em fibras retardam a absorção de glicose e melhoram o controle do diabetes. (4,5)

Tem um sabor levemente adocicado. Uma boa opção para várias receitas, como por exemplo: bolos, biscoitos, muffins, brownies e pães.

No entanto, ajuste suas receitas se usa a farinha de coco no lugar da farinha de trigo , pois ela absorve mais líquido e pode dar aos alimentos uma textura seca e arenosa.

Geralmente, você usa de cerca de 1/4 de xícara de farinha de coco para cada xícara de farinha normal. Mas pode ter que aumentar a quantidade total de líquido para a mesma quantidade de farinha de coco da receita.

Farinha de Coco Branca - Empório Nuts - 300g
  • Natural
  • Sem Glútem
  • Livre dos alergênicos listados na RESOLUÇÃO– RDC N 26, DE 02 DE JULHO DE 2015
  • Os produtos foram projetados com o usuário em mente querendo cumprir os desejos
Copra Farinha de Coco, 400 g
  • Rico em fibras
  • Sem glúten
  • Baixo teor glicêmico

2- Farinha de amêndoa

É pobre em carboidratos e rica em proteínas, fibras e gorduras boas ​​para o coração. Além disso tem baixo índice glicêmico.(1,2).

Tem um sabor suave de noz. Da mesma forma é uma boa substituta de receitas de muffins, biscoitos, pães e biscoitos, no lugar da farinha de trigo branca.

No entanto, pode dar aos alimentos uma textura mais densa, pois não tem glúten. A proteína que dá elasticidade faz a massa crescer. ​​(3)

Geralmente, você pode substituir 1 xícara de farinha de amêndoa por 1 xícara de farinha de trigo normal.

Farinha de Amêndoa Oner 130g
  • Sem Glúten
  • Sem Lactose
  • Sem adição de Açúcares
  • Vegano
  • Instruções de armazenamento: manter em local seco e fresco

3- Farinha de grão de bico

Feita de grãos de bico secos moídos, a farinha de grão de bico é um substituto da farinha comum para diabéticos.

Isso por ser rica em proteína, que evita a resistência a insulina. O que prejudica a capacidade do seu corpo de regular a glicose. (6,7,8).

Com sabor de nozes pode ser usada em receitas doces e salgadas, como bolinhos, pães, panquecas e biscoitos.

Também possui uma textura densa e fortes propriedades de ligação. Assim é uma ótima substituição, sem glúten, para a farinha de trigo branca.

Você geralmente precisa de um pouco menos de farinha de grão de bico para suas receitas. Cerca da metade da quantidade de farinha de trigo.

Farinha de Grão de Bico Leve Crock 200g
  • Sem glúten
  • Vegano e kosher
  • Sem conservantes corantes e aromatizantes artificiais
  • Instruções de armazenamento: manter em local fresco e seco
Farinha de Grão de Bico Grings 200g
  • Benefícios da farinha de grão de bico · boa fonte de fibras
  • Contém 200g
  • Fonte de fibras
  • Sabor: salgado

4- Farinha de aveia

A farinha de aveia não é apenas uma boa fonte de fibra e proteína, mas também contém beta glucana , um tipo de fibra que baixa a glicose dos diabéticos. (9,10)

A farinha de aveia tem um sabor suave de noz e ajuda a amolecer os produtos assados.

Embora você possa precisar fazer alguns pequenos ajustes, a farinha de aveia pode ser usada na maioria das receitas no lugar da farinha branca, incluindo biscoitos, pães, muffins e panquecas.

Você pode precisar usar um pouco mais de farinha de aveia para substituir a farinha normal. Cerca de 1 1/3 xícaras de farinha de aveia para cada xícara de farinha normal.

5- Farinha de quinoa para diabéticos

Este pseudocereal não tem glúten sendo considerado um grão integral, não é processado ou refinado. Dessa forma seus nutrientes originais são intactos.

É uma boa fonte de proteínas, fibras, ferro e gorduras insaturadas. Além disso, tem efeitos antioxidantes e anti-inflamatórios.(13,14)

A farinha de quinoa dá uma textura úmida e macia aos assados. Mas substitua por metade da quantidade de farinha de trigo em suas receitas.

Se você achar um pouco amarga, então torre em uma frigideira seca em fogo médio por 5 a 10 minutos, mexendo delicadamente, antes de por em sua receita.

A farinha de quinoa é ótima para receitas para diabéticos como: panquecas, muffins e massa de pizza bem como tortas. Você também pode usar para engrossar sopas e molhos.

Farinha de Quinoa Leve Crock 200g
  • Sem glúten
  • Vegano e kosher
  • Sem conservantes corantes e aromatizantes artificiais
  • Integral
  • Moagem própria

6- Farinha de trigo sarraceno

A farinha de trigo sarraceno tem um sabor terroso. Usada para fazer o macarrão soba tradicional japonês. É uma boa fonte de fibras, proteínas e micronutrientes como manganês, magnésio, cobre, ferro bem como fósforo.

Pesquisas mostram que esta farinha pode baixar a glicose em diabéticos. Também pode ter propriedades anticancerígenas, anti-inflamatórias e prebióticas.(16,17,18).

Os prebióticos são um tipo de fibra que alimenta as bactérias boas do intestino, e assim melhoram a saúde digestiva.(19).

Mas a farinha de trigo sarraceno deve ser usada junto com outras farinhas integrais, na proporção de 25 a 50% da farinha total da receita.

Funciona bem em panquecas e pães.

Farinha de Trigo Sarraceno Giroil - 250g, Giroil
  • Sem glúten
  • Vegano
  • 100% Natural
  • Alto teor de antioxidantes
  • Baixo índice glicêmico
Farinha de Sarraceno (Mourisco) Leve Crock 500g
  • Sem glúten
  • Vegano e kosher
  • Sem conservantes corantes e aromatizantes artificiais
  • Instruções de armazenamento: manter em local fresco e seco

7- Farinha de trigo integral para diabéticos

A farinha de trigo integral e farinha de trigo branca são muito diferentes. Enquanto a farinha de trigo integral é feita com os grãos de trigo inteiros, a farinha branca tem as partes mais ricas em nutrientes removidas. O farelo e o germe. (21).

Devido a todas essas diferenças é mais saudável para os diabéticos.

Além disso é rica em proteínas, fibras e várias vitaminas e minerais. Não indicada para celíacos ou pessoas alérgicas ao glúten.

1/2 xícara (60 gramas) de trigo integral tem: (22):

  • Calorias: 200
  • Proteína: 8 gramas
  • Gordura: 0 gramas
  • Carboidratos: 42 gramas
  • Fibra: 8 gramas
  • Ferro: 11% do VD
  • Potássio: 5% do VD

A farinha de trigo integral pode ser usada em quantidades iguais à farinha de trigo branca em qualquer receita. Mas tem uma textura menos fofa do que a farinha de trigo branca branca, isso porque não é refinada.

Você pode usar nas suas receitas de pães caseiros, muffins , bolos, biscoitos, massa de pizza, panquecas bem como em todas as suas receitas.

Conclusão:

Existem muitas opções de farinha para diabéticos que você pode trocar facilmente em suas receitas pela farinha de trigo branca refinada.

Procure variedades de farinha com pouco carboidrato e ricas em fibras , proteínas ou gorduras boas ​​para o coração.

Você também deve usar farinhas ricas em carboidratos e pobres em fibras com pouca frequência, pois podem causar picos e quedas na glicose.

Deixe uma resposta

Coloque o código a seguir na página AMP (por exemplo, no footer/rodapé):
%d blogueiros gostam disto: